Nino Carvalho – Consultor e Professor

Publicidade x Relações Públicas – debate na Campus Party 2011

22 de janeiro de 2011

Em poucas horas participarei de um debate na Campus Party Brasil 2011, em São Paulo. O tema será “Relações Públicas x Publicidade: Mídias Sociais, de quem é o osso?” e contará com a participação de vários feras do mercado nacional: Luis Fernando Guggenberger (Vivo), Patrícia Albuquerque (Espalhe & FAN), Fábio Bruggioni (Telefônica), Nino Carvalho (Consultor em Estratégias de Comunicação e Marketing Digital), além do Mário Soma (RMA & Pólvora) como moderador.

Listei abaixo algumas das principais idéias que pretendo tratar e, após o evento, volto a este post para rever minhas pré-concepções e vou complementar o texto com o que aprendi/troquei com os demais debatedores. Vamos aos pontos:

  • Tanto Relações Públicas (RP) quanto Publicidade (PP) são ferramentas de Marketing. Ambas fazem parte do composto de Promoção (ou Comunicação de Marketing)
    .
  • Publicidade se refere basicamente a vendas, no sentido de que é a área de PP que pensa em táticas para comunicar os produtos/serviços da empresa com o objetivo de incrementar as vendas em longo prazo. Qualquer forma remunerada de apresentação de bens, serviços ou conceitos da organização, tendo como principal objetivo o aumento de vendas é responsabilidade da Publicidade
    .
  • Por outro lado, a área de Relações Públicas deve pensar em estratégias para promover ou proteger a empresa (seus produtos ou serviços) frente a seus diferentes públicos (imprensa, funcionários, acionistas, entre outros). O RP monitora as atitudes dos públicos e constrói relacionamentos
    .
  • Muitos autores incluem Publicidade como uma das cinco funções de RP (sendo as outras: Relacionamento com a Imprensa, Comunicação Institucional, Lobby e Aconselhamento)
    .
  • Pesquisas mostram claramente que os esforços de Publicidade são, cada vez mais, menos eficientes. Atesta-se que ações de RP são muito mais vantajosas em termos de custo e até cinco vezes mais influentes quando comparadas às iniciativas de PP

Com estes pontos em mente é fácil deduzir que uma questão interessante do debate é justamente discutir o “versus” (de “RP x PP” no título do debate) entre as áreas. Não faz sentido. Elas são complementares!

Outra questão válida é o “de quem é o osso?“, fazendo referência a qual das áreas é responsável pelas ações de mídias digitais em determinada organização. Nesse caso acho a resposta ainda mais fácil – o profissional de publicidade não é preparado (nem academicamente, nem em sua carreira) a reconhecer, monitorar, entender, se comunicar e se relacionar com tantos públicos distintos como faz o profissional de RP.

Bem, fico por aqui. Em cerca de 3h começa o debate e há mais o que falar e ouvir. Volto amanhã para complementar o post, contrastar as idéias e escrever um pouco mais.

Mais leitura sugerida:


Receba novidades no seu email
Faça uma busca em nosso site
Nino Carvalho Consultoria e Capacitação
Avenida Engenheiro Sousa Filho, 1206 - Casa 210
Itanhangá - Rio de Janeiro, RJ - 22753-053 - Brasil

(21) 4042.8363(11) 3280.2468